Os perigos das épocas de festa

Cuidados a ter...
As alturas de festas são sempre épocas do ano complicadas, mas você necessita de certificar-se de que não está a ignorar nenhum perigo para os seus animais de estimação. Todos os anos fazemos uma listagem dos perigos mais comuns desta época para os animais de estimação: estes variam desde problemas de alimentação, ingestão de corpos estranhos e envenenamento acidental. A má notícia é que muitos dos animais de estimação acabarão por ter de ir ao consultório do seu veterinário assistente, que nesta altura fecham para férias.
A boa notícia é que o seu animal não será um deles se tiver em conta os seguintes perigos.
Problemas de alimentação O seu animal de estimação sabe que algo de diferente está no forno e deixa-o saber que está interessado em provar -- Como pode você resistir a dar ao seu animal de estimação algo especial: uns chocolates, um ossinho de peru, algumas fatias de salame ou cascas de queijo? Resista, se não o seu cão ou gato poderão passar a quadra natalica na clínica do veterinário de urgência...
Os alimentos demasiado ricos, demasiado gordos ou demasiado temperados -- ou qualquer coisa que o seu animal de estimação não esteja acostumado -- podem provocar um problema intestinal.
Ingestão de corpos estranhos Os ossos das aves domésticas (de novo o perú) podem parecer como o presente perfeito para o animal de estimação que tem tudo, mas fazê-lo é um risco gravissimo (dê antes só o caldo de carne que é um pitéu maravilhoso derramado sobre a ração do seu animal de estimação). Mesmo os ossos maiores do perú podem lascar-se, largando farpas através dos intestinos do animal. Se um perfurar, o resultado pode ser fatal. Se for dar ossos dê ossos grandes de vaca, devidamente cozinhados. Após algumas horas de diversão deite-os fora, pois mesmo os ossos pulverizados podem solidificar como cimento no intestino de um animal, causando a obstipação e, ocasionalmente, o bloqueio que depois terão de ser removidos por um veterinário.
A árvore de Natal está cheia dos perigos para cães e gatos. As fitas podem ser um alvo atraente para o jogo, mas se ingeridas, podem torcer acima dos intestinos. Este é um perigo particular para gatos e gatinhos, que parecem ver nelas - junto com o fio, a fita e a corda - algo especialmente apelativo para comer.

As bolas de Natal são frequentemente mortais nas bocas e nos estômagos dos animais de estimação. Há ainda o perigo de árvore inteira pode cair sobre gato que tenta escalar os ramos. Alguns cães podem mesmo alçar a pata na árvore, quebrando as regras de boa educação.  A melhor maneira de tomar conta da situação é fazer a árvore numa zona proibida aos seus animais de estimação, a menos que esteja colocada numa zona onde pode prestar especial atenção e evitar os acidentes.


Envenenamento
As plantas do Natal tais como o azevinho são tóxicas. Antes que compartilhe os seus doces natalícios com o seu animal de estimação, esteja ciente de que o chocolate é tóxico aos cães e pode ser mortal para o cão pequeno. Não se esqueça: a melhor cura é a prevenção. Mantenha todas as plantas perigosas fora do alcance de seus animais de estimação e mantenha os pratos dos doces disponíveis somente para as pessoas.


in
Arca de Noé