Treinar o cão em casa ou numa escola?

treinar_o_cao
Ao contrário do que se pensa, as escolas de treino de cães ensinam mais o dono do que propriamente o cão. O cão está programado geneticamente para obedecer ao líder. As escolas acabam por ensinar ao dono como assumir-se como líder perante o cão para que este o obedeça.

Contudo, hoje em dia é relativamente fácil encontrar informação que ajuda o dono a treinar o cão em casa. Livros com imagens ou vídeos na internet vão revelando todos os truques aos donos. O que faz com que muitos se questionem sobre a necessidade de levar um cão a uma escola de treino.

As principais vantagens de ir com o seu cão a uma escola são:
- assumir o compromisso, garantindo que naquela hora está completamente dedicado ao cão, o treino não é interrompido por outras questões mais importantes e não é adiado;
- poder explicar e esclarecer as suas dúvidas com um treinador, não só sobre a obediência básica, mas também sobre qualquer outra questão do comportamento canino;
- ter um treino adaptado ao seu cão por um profissional que é capaz de perceber o que melhor se adequa ao cão.

Quando se fala no treino do cão, este deve ser sempre feito pelo dono. Não aceite que o treinador faça o treino por si. Deve ser o dono a dar os comandos ao cão, a andar com ele à trela, etc. Isto permite que o cão o veja como líder a si em vez de atribuir esse papel ao treinador e também melhorar a comunicação entre o dono e o cão.




O treino em casa funciona nas seguintes situações:
- o dono tem experiência com cães;
- o cão reconhece o dono como líder;
- o dono conhece outros cães sociáveis com quem o cão possa ser socializado com confiança;
- o dono pretende apenas um cão com obediência básica – senta, deita, fica, larga, entre outros comandos.

A escola de treino é necessária nas seguintes situações:
- o dono é inexperiente e não sabe como exercer liderança sobre o cão;
- não encontra informação ou os livros/artigos/vídeos que encontra não se adaptam à sua situação;
- o dono não conhece outros cães sociáveis ou tem um animal bastante dominante que necessita de uma socialização mais intensa;
- o dono não sabe resolver um problema de comportamento que o cão apresenta;
- o cão tem traumas, devido a maus tratos ou negligência, que está com dificuldade me ultrapassar;
- o dono pretende que o cão pratique agility ou outro desporto canino.


in
Arca de Noé